segunda-feira, 23 de junho de 2008

"A MULTIPLICAÇÃO DOS PÃES, PEIXES E QUITES DE CAFÉ DA MANHA..."


É interessante como os milagres nos cercam todos os dias e quase nunca os notamos, estamos acostumados apenas em ouvir as historias/estorias de milagres como os de Jesus o Nazareno, ou algumas de manifestações sobrenaturais, que permeiam o imaginario popular, estes dias vi a manifestação de um milagre do cotidiano, numa viagem, voltando da Cidade de São Paulo com um grupo de amigos e camaradas, que deixaram suas casa para conversar sobre um futuro melhor...


Já na volta dessa viagem nos vimos em uma situação um pouco dificil, coordenava o onibus com um amigo, o Matheus, quando no segundo dia, desesperados constatamos que não tinhamos mais dinheiro algum para dar café da manha aos outros camaradas, trinta e nove, e tudo o que tinhamos eram quinze quites de lanche que sobrara do outro dia, essa conta era dificil de se fazer, levantei junto com Matheus e dicidimos conversar com o onibus, explicamos a situação, colocamos nossa dificuldade a todos, e decidimos entregar os quites, pedindo que todos dividissem entre si, era o minimo, e pelo corredor do onibus começamos a destribuir...


Lá vai o primeiro... o segundo...terceiro... e após passar ate o fim do corredor do onibus percebemos que um milagre acontecera, os lanches se multiplicaram... e no final ainda sobraram dois... como se explica? derrepente quinze transformaram-se em quarenta e poucos?... alguns podem ficar estarrecidos com isso, mas um milagre muito maior acontaceu, o Amor e a Solidariedade se multiplicou no coração, cada um pegou apenas o que precisava e passou ao colega, e nessa ceia eucaristica todos os corações foram tocados e toda a fome saciada, corações socialista mostrando que a revolução se faz com sangue e amor.


Estoria parecida aconteceu em outro momento tambem, com um jovem de Nazaré, Jesus, começou em seus discursos a juntar muita gente, vinda de todos os lugares, e apos um longa caminhada, servida de muita conversa gostosa sobre sua filosofia de vida, nota que milhares de pessoas ja o seguiam, longe de casa, e sem ter o que comer, e Jesus faz o milagre acontecer, cinco pães e dois peixes alimentam cinco mil pessoas e ainda sobram varios cestos de comida, alguns acreditam na manifestação literal do milagre, algo fisico, que um "Jesus Coperfild" manifestaria, milagre maior do que multiplicar pães, é multiplicar amor, modificar corações, como acredito que o Cristo era muito maior que um simples magico, acredito que cinco mil corações foram transformados naquele fim de tarde a beira do mar, e o amor manifestou seu dom maior, dar...



Milagres assim se manifestem a cada dia em nossas vidas, e que não estejamos com os olhos cauterizados para ve-los...




Clarence Santos

"Frater, teologus minnor et pecattor!"

3 comentários:

Dáfni disse...

verdadeiramente o amor e a solidariedade faz milagres acontecer....muito interessant a história e mas interessant e o important é termos a sensibilidade de perceber q milagres acontecem dia apos dia.

Gess'yka disse...

"Viver já é mesmo o maior dos milagres, Os outros são acrescentados à lida mediante a Fé."

Muito legal este blog...Textos simples, inteligentes e profundos.

Abraços.

Matheus Lins disse...

O amor eh a grande engrenagem que constroi o mundo!


comentario curto devido a falta de luz nesse exato momento em frente ao pc.. e tambem a falta excessiva de inspiração por conta do cansaço!

mas prometo me redimir!

abração!