sábado, 11 de fevereiro de 2012

"O gosto salgado de tristeza"

Ela vinha de longe  porem já me encontrava com o seu olhar
Guardava no canto da boca um sorriso discreto, belo
Sorriso carregado de mistério
Daqueles que mesmo no meio de uma multidão consegue observar algo que mais ninguem viu...
Logo se apressou
Chegou ao meu lado e disse:
Seus olhos hoje brilham mais que o normal, brilho diferente...”
Foi quando ela abaixou,
E carinhosamente me beijou no olho
E percebeu que o brilho de meus olhos
Tinha o gosto salgado de tristeza...

Clarence Santos

Nenhum comentário: